Ao lado de quem nos deixa só…

13557678_1742917179254522_1606949876991790024_n
Imagem: 05 Centímetros por Segundo (filme)

Os olhos dele acompanham centímetro por centímetro o movimento de elevação do foguete sob o céu azul, o vento sopra e faz com que sua roupa se comprima contra o corpo. Seja na contemplação do foguete, o sol ou a lua, os olhos dele nunca se contentariam a notar a pessoa que estava ao seu lado. E eles estavam lado a lado há muito tempo.

Temos a necessidade de nos relacionarmos, é um beco sem saída, teremos que passar pelo caminho dos diversos tipos de relações. Não se relacionar é negar estar vivo, não se relacionar é ser zumbi. Mas a que preço nós devemos querer estar em uma relação? Veja se essa relação é física ou sentimental, e lhe digo que para um relacionamento satisfatório essa condição OU não exista. São os dois!

Caso contrário, viveremos enganados… Como um romântico ao pôr do sol sem qualquer toque na senhorita que está ao seu lado, quando na verdade, ele poderia lhe oferecer sentimento e pele. Enganados como um garanhão que não sabe nada além da necessidade sexual.

Os grandes descompassos ao viver ao lado de alguém estão relacionados à leitura correta do que é um relacionamento. Sem isso, o foguete continuaria a subir pelo céu… Ele curtiria sozinho o espetáculo e ela esperaria o dia em que ele pudesse a notar. A diferença dela para outro rapaz que estava em um trem lotado de gente desconhecida era mínima. Ambos estavam ao lado de pessoas sob o mesmo teto, mas que nunca se encontrariam.

Ela pensa “Se ao menos eu pudesse te encontrar…”

Ele também pensa e escreve isso.

POR WILKER DOS SANTOS

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s